Excesso de Estímulos

Quem não se identifica com uma casa cheia de brinquedos espalhados pelo chão, livros com páginas rasgadas, jogos com as peças espalhadas, instrumentos musicais que tocam sozinhos, televisões ligadas só a “fazer companhia”?
A estimulação constante cria-lhes um estado de insensibilidade. De tanto observar, tornam-se cegos. De tanto ouvir, tornam-se surdos. De tanto desejar, tornam-se para sempre insatisfeitos e nunca saberão o que realmente os satisfaz.
Reduzir a luz e os estímulos principalmente ao final do dia, criar um espaço “clean”, tranquilo e silencioso, ajuda-os a descobrir a paz e a encontrarem-se com a sua alma.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *